27 julho, 2017

Posso tomar remédio para dor da meditação?

Quem nunca tomou um relaxante muscular durante um retiro? Eu não lembrava dessa possibilidade até ouvir de três pessoas, que haviam tomado. Fiquei revirando meu passado e lembrei que sim já tomei quando tive uma tendinite no pé. E outra no pulso. Talvez no início seja comum, mas com o tempo deve-se aprender a aguentar a dor. Se existe uma dor cronica, que já existia, pode-se evitar longos retiros, ou tentar sentar na cadeira. Perguntaram-me: Tomar esses analgésicos influencia na meditação? Não sei dizer. Nunca havia pensado nisso. O analgésico traz um bem estar físico. Sem esse incomodo a mente fica livre para se entregar a meditação? Também não sei dizer. Tenho pra mim que tomar por tomar relaxante muscular, para pular essa etapa do incomodo físico, é, como cortar caminho numa corrida. Soa como trapaça. Enquanto uns estão ali vivendo suas dores outros estão vivendo outras sensações. Antecipando o treinamento, porque, sim, o sentar-se em meditação, é um treinamento, muito mais físico que mental. Mas vencido o processo físico, o mental se fortalece.
Então se eventualmente vc. tem muitas dores há que primeiro tentar corrigir sua postura e respiração para depois, muito depois pensar num analgésico. Mas que ele não seja a sua primeira opção.


Por outro lado cada vez mais temos gerações pouco tolerantes a dor, a frustrações e a esperar. Isso pode dizer muito sobre quem lança mão de um recurso mais imediato. "Não quero sofrer." 

Às pessoas que me perguntaram sobre as dores eu falei da necessidade de aprender a respirar corretamente. A respiração centrada no hara, ou diafragma, aquece o nosso corpo, porque produz calor, o chamado ki. Quando aprendermos a usar o ki na meditação, o desconforto das dores diminuem bastante em alguns momentos até desaparecem. Vejam esse post que escrevi sobre como usar a respiração a nosso favor na meditação. E este Como respirar corretamente. E esse Meditação zen fortalece o hara.




Também é importante fazer bastante alongamento antes e depois da meditação, até aprender a usar o ki, o alongamento vai resolvendo as dores. 

Sem comentários: