23 outubro, 2012

Quantas qualidades você tem?


Buda ensinou as Quatro Qualidades Incomensuraveis. É mais comum debater-se sobre esses aspectos no budismo Tibetano e no Theravada. No Zen percebe-se que as qualidades são intrinsicas a nossa vida e precisamos despertá-las e pondo-as em pratica. São qualidades grandiosas por isso se chamam "incomensuraveis", pois não são fáceis de serem realizadas seja em separado ou em conjunto. Às vezes temos períodos bons em que podemos passear por todas elas com facilidade e às vezes temos períodos ruins em que elas são esquecidas.


Amor - Generosidade amorosa ou bondade amorosa-é quando você estende a todos os seres a liberação do sofrimento. É fácil amar quem nos é próximo ou a quem nutrimos simpatia, mas amar todos os seres é muito mais grandioso que amar só quem gostamos  

Compaixão - Desejar que todos os seres tenham a liberação das causas que geram o sofrimento. Confundir compaixão com pena é comum. Mas compaixão é se colocar no lugar dos outros.  

Alegria - Perceber as potencialidades de todos e se alegrar com isso. Todos tem condições de serem melhores e mudar seu carma. Todos são Budas iluminados e quão facilmente nos esquecemos disso quando desejamos que alguém que nos fez algum mal morra.

Equanimidade - Desejar a liberação para todos, sem distinção de amigos e inimigos, pessoas que se gosta, pessoas que não se gosta.

O Caminho do Bodisattva é o caminho da Compaixão. É cuidar de todos para que todos juntos alcancem a realização e não apenas um ou apenas eu.

Eu certamente não tenho nenhuma dessas qualidades. Sou bastante imperfeita.

Sem comentários: