21 agosto, 2012

Como o caqui amargo se tornou doce?

"O caqui é uma fruta estranha. Se você comê-lo antes que esteja totalmente maduro, tem um gosto horrível. Ele faz sua boca se contrair por ser adstringente (liguento).  Na verdade, você não pode comê-lo verde. Se você não o deixar amadurecer-naturalmente-você terá que cuspi-lo e jogar tudo fora.

Estou usando esse exemplo como uma metáfora para a pratica budista-você só precisa joga-la fora. Eis porque eu espero que as pessoas comecem a praticar e continuem até que a pratica esteja madura.

O caqui tem outra caracteristica que é muito interessante, mas para entende-la você precisa saber algo sobre os caquis orientais: Há dois tipos de caquis, o caqui doce-amagaki em japonês, e o caqui adstringente, chamado shibugaki. Quando você planta sementes de um caqui doce todas as mudas nascem adstringentes, sem exceções. Então, se você quer uma árvore de caqui doce o que você tem que fazer? Bem, primeiro você deve cortar uma galho de caqui doce e depois enxertá-lo na árvore de caqui adstringente. Com o tempo aquele galho produzirá frutos de caqui doce.

O que mais me intrigava é de onde aquela primeira árvore de caqui doce veio. Se as mudas das sementes de caqui doce se tornam todas adstringentes. De onde veio o primeiro caqui doce?

Certa vez eu tive a oportunidade de perguntar a um botânico especialista em árvores frutíferas e ele disse-me que: Primeiro de tudo,o caqui oriental era uma fruta nativa japonesa. Isso foi há muito muito tempo atrás. Levou muitos anos para ser um caqui doce: até mesmo o fruto de uma árvore, por 40-50 anos foi adastringente! Isso significa que estamos falando de árvores com pelo menos 100 anos. Ao longo desse tempo, os primeiros galhos de caqui doce começaram a crescer em uma árvore de caqui adstringente  e seus frutos amadureceram. Esses galhos então passaram a ser cortados e enxertados a uma árvore  jovem de caqui adstringente. O que levou mais uns 100 anos para crescer e então transferir para outra  árvore e continuar esse processo.

De certa forma,o budismo e nossas próprias vidas são assim. Se você deixa a humanidade como ela é, ela tem uma qualidade adstringente (liguenta), não importa qual país, ou qual mundo você olhar. Isso já aconteceu muitos anos atrás na Ìndia, na cultura daquele momento, um caqui amargo nasceu, o budismo ou mais especificamente Shakyamuni Buda- que nasceu- como um galho de uma árvore de caqui amargo, que depois de muitos, muitos anos se tornou um caqui doce. Depois de um tempo um galho foi cortado e transplantado no solo adstringente da China. De lá um ramo do fruto doce foi levado para o Japão e plantado num país de bárbaros. Eis porque nós não podemos achar o budismo no Japão hoje. Agora o caqui doce está sendo nutrido na América, e ele precisa ser cuidado e cultivado. Então ele poderá florescer e amadurecer aqui. Isso não acontece automaticamente."


Trad. e adaptação minha para a palestra (1977) de Kosho Uchiyama Roshi  "Practice and Persimmons" in: Openig the Hand of Thought-Approuch to Zen.

Sem comentários: