19 fevereiro, 2011

Neve Derretento:Ploc ploc ploc





Estarei ausente, em retiro.
Quando a neve tiver derretido estarei de volta. Continuem praticando.







Post programado: Mosteiro da Escola Zen Kwan Um na Hungria.

10 fevereiro, 2011

Onde a Paprica e o Kimchi se encontram?

Kimchi são rolinhos de acelga banhados em um molho picante. Pode ser encontrado em conserva mas o melhor é fazer em casa assim podemos mudar a receita para ficar menos ardida. Não recomendado para quem tem hemorróidas. Os coreanos comem kimchi como nós comemos pão.
Eu já colocaria um queijo na mistura e faria uma pizza. Como os coreanos são meio italianos acho que combina.








Ingredientes

4 colheres (sopa) de açúcar
4       "       (sopa) de sal
2 de pimenta vermelha em pó
2 nabos cortados em tiras no sentido diagonal
1 maço de cebolinha verde picada
5 dentes de alho esmagados
3 acelgas





Modo de Preparo

Cortar cuidadosamente cada acelga ao meio. Desidratar, salpicando com o sal e deixando descansar por 4 horas. Adicionar à pimenta os demais ingredientes, menos a acelga, e mexer bem com as mãos. Se quiser amenizar o sabor da pimenta, diminuir a quantidade dela na mistura a seu gosto. Enxaguar as acelgas salgadas em bastante água fresca, escorrer bem e espremer para extrair o máximo de água possível. Colocar, com as mãos, pequenas quantidades da mistura de pimenta entre as folhas de acelga. Fechar bem cada folha depois da adição dos temperos, formando um “pacote”. Acondicionar os “pacotes” em vasilhas bem fechadas. Deixar fermentar por um dia ou dois em temperatura ambiente. Cortar em pedaços antes de servir. O kimchi deve ser guardado na geladeira depois de pronto e dura bastante tempo. Quando começa a azedar, os coreanos ainda o aproveitam para fazer sopa. Fonte.



(outra opção de receita)

Ingredientes:



- 1/2 acelga grande ou 1 pequena
- 1 xícara (chá) de sal
- 3 copos (americanos) de água
- 2 colheres (sobremesa) de amido de milho
- 8 pimentas dedo-de-moça médias sem sementes
- 10 dentes de alho
- 1 pedaço de gengibre (4 cm)
- 2 colheres (sopa) páprica picante
- 1 colher (sobremesa) rasa de sal
- 4 colheres (sopa) de adoçante
- 1/2 maço de cebolinha picada
- óleo de gergelim a gosto (opcional)
- sementes de gergelim pretas a gosto (opcional)

Modo de preparo:


- Lave a acelga. Deixe-a inteira, ou solte as folhas, ou corte em pedaços. Eu preferi soltar as folhas para depois poder enrolá-las em forma de rocambole.
- Esfregue 1 xícara de sal por toda a acelga, inclusive no meio das folhas e deixe curtindo durante a noite.
- No dia seguinte, lave a acelga e aperte para remover a água.
- Dissolva o amido de milho na água e leve ao fogo até formar uma calda não muito grossa. Deixe esfriar.
- Esmague as pimentas e os alhos e rale o gengibre. Incorpore essa mistura à calda de amido. Acrescente a páprica picante, o sal, o adoçante e a cebolinha e misture bem.
- Passe toda a mistura nas folhas de acelga generosamente, e enrole–as em forma de rocambole, na quantidade e tamanho desejados.
- Coloque num pote fechado e deixe em ambiente de fresco para frio por 24 horas (não pode ser ambiente quente, caso contrário pode azedar), para fermentar. Se não tiver pressa, deixe assim por 2 dias.
- Após a fermentação, elimine o excesso de líquido que se formou e opcionalmente regue com óleo de gergelim e salpique com as sementes de gergelim pretas.
- Conserve em pote fechado na geladeira e vá fatiando os rocamboles conforme a necessidade. Fonte.

04 fevereiro, 2011

03 fevereiro, 2011

O Ano do Coelho Começou.

O Coelho simboliza a graça, a diplomacia, a delicadeza, a bondade e a sensibilidade. Pratiquemos estas virtudes.


Segundo uma antiga lenda chinesa, Buda convidou todos os animais da criação para uma festa de Ano Novo, prometendo uma surpresa a cada um dos presentes. Apenas doze animais compareceram e ganharam um ano de acordo com a ordem de chegada:


No ciclo de doze anos, cada ano recebe o nome de um animal:
shu" 鼠 (rato), "niou" 牛 (boi), "hu" 虎 (tigre), "tu" 兔 (coelho), "long" 龍 (dragão), "she" 蛇 (serpente), "ma" 馬 (cavalo), "yang" 羊 (carneiro), "hou" 猴 (macaco), "ji" 雞 (galo), "gou" 狗 (cão), "zhu" 豬 (porco). O cavalo de Fogo rege a cada 60 anos.

De acordo com um antigo texto budista, quando os animais terminam suas meritórias tarefas, fazem um juramento solene perante os budas de que um deles estará sempre, por um dia e por uma noite, pelo mundo, pregando e convertendo, enquanto os outros onze ficam praticando o bem em silêncio. O Rato inicia sua jornada no primeiro dia da sétima Lua; procura persuadir os nativos do seu signo a praticarem boas ações e a corrigirem os defeitos de seus temperamentos. Os demais bichos fazem o mesmo, sucessivamente, e o Rato reinicia seu trabalho no 13º dia. Assim, graças ao trabalho constante dos animais, os budas garantem uma certa ordem no universo."  Fonte: Wikipédia



02 fevereiro, 2011

Diferença entre Compaixão e Pena











Qual a diferença entre compaixão e pena?


- Compaixão é o desejo que todos os seres - incluindo eu mesmo - possam estar livres de sofrimento. Há um elemento de igualdade essencial ou respeito mútuo básico entre eu e os outros seres.Envolve a compreensão livre de julgamentos do outro.

A piedade, ou pena, por outro lado, carrega um certo ar de superioridade e até desdém. Não é fácil chegar à percepção correta da interconexão de todos os seres e, consequentemente, à prática da verdadeira compaixão.

Desenvolvemos certa arrogância ou sentimento de sermos ‘especiais’ - que pode se expressar tanto no sentido ’sou especial, superior aos outros’ quanto no sentido ’sou especial, inferior aos outros’.

O Que é amor?

-É o desejo de que todos os seres sejam felizes - todos sem exceção.

Entrevista   à Monja Isshin