25 setembro, 2010

Sobre Meios de Comunicação e Mestres.

Há algum tempo Monja Isshin deixou este comentário interessante por aqui:

A Internet é uma ferramenta fantástica para a divulgação do Darma e até para a transmissão de orientações e o esclarecimento de dúvidas, especialmente num pais grande como o Brasil. Por isso, foi criado o Zendo Virtual.

Mas, nada dispensa a necessidade de um período (que pode variar de alguns meses até dez ou mais anos...) de prática na convivência direta e diária com um(a) professor(a) e uma sanga. Às vezes, o professor envia o aluno para um mosteiro para esta convivência - onde será de forma mais intensa como se fosse "panela de pressão".

O ego condicionado veste máscaras de todo tipo com uma habilidade inimaginável. Por isso, mesmo ver um professor por alguns dias periodicamente, como para um retiro, não é o suficiente para o verdadeiro cultivo da prática, pois as máscaras resistem estes períodos curtos de tempo. Somente na convivência diária mais prolongada é que as máscaras vão começar a se quebrar. Nestas horas vão surgir aquelas manifestações de nosso ego condicionado que precisamos perceber e das quais devemos nos libertar. Aí vai ser a prova de fogo - vamos querer "fugir", "rejeitar o professor" (pois, parte de nos não quer mudar), mas, se desejamos realmente trilhar o Caminho de Buda, precisamos "abrir mão" dos condicionamentos...

Mas, quando a gente consegue resistir a tentação de "fugir", de "trocar de professor", "trocar de tradição" - quando a gente consegue resistir estas tentações e superar a fase doloroso do confronto com o ego condicionado, como é maravilhosa a nossa prática!!!!

Sem comentários: