28 setembro, 2008

Novas Tecnologias Podem Auxiliar na Prática?

Daily Buddhism Podcasts.

Palestras com Monja Isshin. E esta sobre Za Zen.

No passado aqueles que quisessem seguir algum mestre teriam que viajar por muitos quilômetros. Às vezes por meses ou anos atravessando países, montanhas e oceanos. Passando privações e correndo o risco de não obter êxito na sua viagem.

Hoje cada vez mais é possível receber os ensinamentos no conforto da seu lar. Com pouco ou nenhum gasto pode-se recer instruções e treinamento de seu professor via email, skype, messenger escrito ou com wed câmara. Mesmo assim o Dharma ainda parece obscuro para muitos.

Já tive a experiência de ter que compartilhar com uma professora que mora do outro lado do oceano. Pessoalmente faço mais o tipo que atravessaria mares e montanhas. Mas como essa professora disse-me certa vez:"Pergunte a si mesma: O que vc. vai fazer pode ser feito ai onde vc. está?" Se a resposta for "sim" então não há necessidade de ir muito longe para praticar.

26 setembro, 2008

A Intenção na Prática



















Na prática budista a intenção é muito importante. Seres humanos estão cheios de intenções de animais. Os antropólogos dizem que são apenas formas diferentes de agir, mas isso não é verdadeiro. Quando você se inicia em uma prática budista você precisa ter intenções claras e no budismo nós praticamos para salvar todos os seres do sofrimento.

Existem dois tipos de sofrimento. O sofrimento que adiciona mais sofrimento. Quando alguém mata outra pessoa ele o faz porque está sofrendo por algum motivo e ao fazê-lo causará mais sofrimento a si mesmo e a outras pessoas.

O outro sofrimento é o da prática mas este pode te levar ao fim do sofrimento

Mestre Zen Dae Kwang

23 setembro, 2008

Agindo de Acordo com a Natureza.














1.-Acho que hoje é um bom dia para me iniciar na prática do Zen. Esta forma particular de Budismo enfatiza o despertar através de ações que vem da sua verdadeira natureza.
2.Então de agora em diante vou agir de acordo com a minha natureza.

3-Vejo que você está pisando nas coisas denovo T-Rex.

-Estou apenas sendo eu mesmo! Ha-ha!

4-Mas T-Rex o Zen também...

-Levante isso!

5. ------

6.-Mu!

Para onde você vai quando Morrer?

Soen Sa Nim conta que alguém lhe perguntou:

-Seung Sa Nim quando o senhor morrer para onde vais?
-Por que está me perguntando isso?
-Por que quando morres quero seguir o senhor!
-Ok! Mas quando eu morrer vou para o inferno.
-SS porque o senhor vai para o inferno?
-Se eu não for para o inferno "as pessoas" de lá não poderão se iluminar.
Eu vou para o inferno para criar um centro zen lá! (risos)
E o cara disse a SS:
-Nesse caso eu não vou. Não, agora!
-Quando você se ilumina: céu, inferno não importa o lugar onde você for. Vá lá e ensine o Dharma para todos os seres,OK!

Mestre Zen Seung Sa Nim

21 setembro, 2008

O Nome Zen & Kasa ou Rakusu .

O nome Zen Budista é recebido em uma cerimônia de preceitos ou refúgio. É dado pelo professor ou mestre zen. No Zen Soto o nome é escrito no verso do rakusu em kanjis e no Rinzai ele vem escrito em um certificado com o carimbo do professor, neste caso recebe-se o Kasa. O Kasa e o Rakusu são representações do manto do Buda em tamanho menor. Algumas pessoas costuram seu próprio rakusu, o recebem de presente ou o compram pronto. Para receber o rakusu é preciso ser membro ativo de uma comunidade budista, ser aceito por um professor zen e fazer um curso de preceitos. Quando todas as estapas forem completadas o aluno pode se inscrever em uma cerimônia de preceitos e nela receberá seu nome e seu rakusu.

Gatta do Kasa ou Versos do Rakusu

Vasto é o campo de benefícios.
Sem forma e com todos os méritos
Visto-me dos ensinamentos do Tathagata
Para Salvar todos os seres.

05 setembro, 2008

Dois em Um.















Dois livros que trabalham com algumas das Máximas de Atisha. Allan Wallece faz mais divagações passando pela ciência, psiquiatria e física. Pema Chödrön em Comece Onde Você Está é mais clara. Dos dois fique com um: Comece Onde Você Está.




Máximas de Atisha para o Treinamento da Mente Compassiva:


Mantenha sempre uma mente alegre.
Se puder praticar, mesmo distraído, vc. estará bem treinado.
Mude sua atitude, mas permaneça natural.
Não pense na falha dos outros.
Trabalhe primeiro com as maiores imperfeições.
Abandone qualquer expectativa de resultado.
Renuncie aos alimentos venenosos.
Não seja tão previsível.
Não fale mal dos outros.
Não se ponha de emboscada.
Não leve as coisas a um ponto doloroso.
Não tranfira a carga do boi para a vaca.
Não tente ser o mais rápido.
Não aja ardilosamente.
Não transforme deuses em demônios.
Não procure fazer da dor alheia as pernas da sua própria felicidade.
Treine-se imparcialmente em todas as áreas. É cruel fazer isso sempre, de
modo abrangente e sem reservas.
Sempre medite sobre tudo que provoca ressentimento.
Não dependa de circunstâncias externas.
Não interprete incorrectamente.
Não vacile.
Pratique com determinação.
Não chafurde na auto comiseração.
Não seja invejoso.
Não seja frívolo.
Não espere aplauso.
Quando o mundo está cheio de maldades, transforme todas as
adversidades no caminho de bodhi.
Seja grato a todos.
Incorpore à meditação tudo que vc. encontrar inesperadamente.

Pema Chödrön [Comece Onde Você Está, Sextante,2003]

Twitter

O Twitter do Gueshe Kelsang tem tiras muito boas e também pode ser assinado no Google Reader.


"Every action we perform leaves an imprint on our very subtle mind, and each imprint eventually gives rise to its own effect. 02:13 AM June 12, 2008 from twhirl "