13 fevereiro, 2008

Paciência

Monja Coen fala sobre a Paciência

"Quando nós temos paciência nós podemos coisas infinitas. Junto dela vem a perceverança: eu erro, eu falho, eu tento outra vez. Cada erro nos coloca mais próximos do acerto. Então não reclamamos dos erros e das falhas mas aprendemos, corrigimos e caminhamos. Porque se eu não tenho paciência eu reajo à raiva com raiva, à violência com volência. E a tranformação é isso: veio a violência eu inspiro e respiro e tenho uma resposta sim, forte, enérgica, mas sem ódio, sem raiva, sem rancor, sem violencia então a paciência é um treinamento no nosso próprio ser.
Eu vou fazer o melhor que eu posso, mas o meu coração não se ajita."

Sem comentários: