31 agosto, 2002

Bom Humor

O monge Shouduan de Baiyun era muito ativo, mas não tinha senso de
humor. Seu mestre, Yangqi, certa vez lhe perguntou:

- Quem foi seu mestre anterior?
- O monge Chaling Yu.
- Ouvi dizer que ele obteve iluminação quando escorregou de uma ponte
e caiu na água. Até mesmo escreveu um poema sobre isso.
- Sim, e ainda me lembro do poema:

"Tenho uma pérola brilhante,
Por muito tempo obscurecida pelo pó;
Agora o pó se foi e o brilho voltou
Iluminando os rios e as colinas
."

- HA! HA! HA! HA!
- ???

Shouduan não conseguia entender o que o seu mestre achara tão
engraçado e por isso não dormiu a noite toda.
Na manhã seguinte, bem cedo...

- Por que riu tanto com o poema do monge Yu?
- Viu aquele palhaço que veio aqui ontem?
- Sim.
- Há um aspecto em que você é inferior a ele.
- E qual é, mestre?
- Ele gosta que as pessoas riam, e você tem medo quando elas riem.

Ao ouvir aquilo, Shouduan obteve iluminação.

Tsai Chih Chung [Zen em Quadrinhos, Ediouro]

Sem comentários: